Soltando as Amarras do Desânimo

Confiar em Deus para Vencer o Desânimo

Não há ser humano na face da terra que não tenha um dia passado por um momento de desânimo.

As lutas diárias, os desencontros, as feridas podem nos colocar em estado de tristeza e até mesmo de descrença.

Tentamos resistir e muitas vezes conseguimos juntar os “cacos” para sair desse vale.

Mas somos humanos, não somos perfeitos, e por muitas vezes voltamos para trás e nos encontramos com o desânimo novamente.

E por voltarmos ao ponto em que nos encontrávamos nos sentimos pior, parece que a carga do desânimo aumenta mais ainda.

Nesse momento, devemos tomar cuidado redobrado para que não deixemos o inimigo se apoderar do que não lhe pertence.

Devemos Nos Manter Sempre Vigilantes

Vigiar em Dobro

Com o intuito de nos enganar o inimigo lança sobre nós todas as suas mazelas e tenta fazer com que acreditemos em suas mentiras.

Tenta nos fazer acreditar que não somos capazes, que estamos sozinhos e que não merecemos a felicidade.

Pensamentos do tipo: Eu não consigo; Eu não posso; Eu não sou capaz, são frequentes em nossas mentes nesse momento.

Chegamos a pensar, inclusive, que Deus não ouve as nossas orações e que não somos seres abençoados.

Percebendo as Armadilhas do Inimigo

Por ser traiçoeiro, o inimigo vai tentando colocar aos poucos as ideias desanimadoras em nossa cabeça.

Dia após dia vamos deixando o desânimo tomar conta de nós.

Enxergamos problemas que em outros momentos seriam super simples de resolver, como se fossem os piores do mundo.

Diante de desafios nos sentimos acuados, com medo, incertos. Não conseguimos tomar decisões e nos sentimos desesperados por isso.

Para o inimigo, o desânimo é a porta de entrada para que ele tente te afastar de Deus, pois junto a este sentimento vem os questionamentos.

Aos poucos, de desânimo em desânimo, o inimigo vai conseguindo o que mais deseja, que é te derrubar, te fazer sentir o pior dos viventes.

A Boa Notícia Está na Palavra de Deus

Boa Notícia Está na Palavra

Nós sabemos que Deus é Soberano!

Ele quer que nos ver feliz. Não há nada que Deus não saiba e que não possa realizar.

A vontade de Deus é de nos encorajarmos e que O busquemos todos os dias e em primeiro lugar.

Deus quer que cada um de nós levemos a Ele todas as nossas aflições, sua mensagem em Filipenses 4:6, diz:

“Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças”.

As falsidades e mentiras do inimigo não tem nenhum poder diante do Amor de Deus.

O desânimo não tem lugar em nossos corações quando acreditamos e aceitamos que o Maior Soldado de Todos os Tempos, já venceu a guerra por nós.

A Bondade de Deus para Todos Nós

A misericórdia de Deus por todos os seus filhos é magnânima.

O que Ele fez, faz e fará por todos nós, por si só já deveria ser suficiente para não deixarmos o desânimo entrar em nosso coração.

Mas somos falhos, então Deus já deixou a fórmula da fé para confiramos N’Ele.

Devemos buscá-Lo em oração e Ele nos encorajará. Deus é amor e quando entramos em oração podemos sentir Sua presença.

A imensidão da graça, da misericórdia e do amor de Deus é estimuladora e renova nossas forças.

Deus é fiel. Ele cura e provê, nos protege, nos liberta e nos orienta sobre os caminhos que devemos seguir.

Conclusão

A palavra de Deus nos mostra, em qualquer capítulo, que Ele é maior do que qualquer problema que possamos ter.

Devemos buscá-Lo diante de qualquer anormalidade, de qualquer dificuldade que estejamos enfrentando.

Nossas aflições e angústias não podem se unir ao desânimo. Temos que buscar e depositar nossa fé e esperança em Deus.

Em Salmos 130.7, a palavra do Senhor diz: “Espere Israel no Senhor, porque no Senhor há misericórdia, e nele há abundante redenção”.

O Senhor tudo vê e tudo pode resolver, porém, em sinal de obediência e declaração de que Ele é o Senhor de nossas vidas devemos confirmar e aceitar aliança com Ele.

A oração, o louvor e adoração nos coloca diante de Deus e nos coloca ligados ao Senhor.

Não há desânimo que resista a essa força maravilhosa.

Deus nos deu seu único filho Jesus Cristo para nos guiar e devemos compreender isso para caminharmos.

“Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou” (Romanos 8.37). Colocar link

E você? Como está se sentindo hoje?

Fique em paz, Deus está conosco.

Receba mensagens de esperança. (É GRÁTIS)!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *